Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Legislação

Lei Ordinária 4753/2021

Publicada em: 20 set 2021

Ementa: Dispõe sobre a denominação de Praça Pública localizada no Município de Porto União.


Lei4753 - Denomina Praça no Conjunto Porto União de Roosevelt Savi
[33,0 KB] Baixar Arquivo
LEI Nº 4.753, de 14 de setembro de 2021.

 

 

 

Dispõe sobre a denominação de Praça Pública localizada no Município de Porto União.

 

 

 

O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO UNIÃO, Estado de Santa Catarina, usando da competência privativa que lhe confere o inciso IV, do artigo 64, da Lei Orgânica do Município, faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte LEI:

 

 

     Art. 1º Fica denominada a Praça localizada no Conjunto Porto União, neste Município, de “Roosevelt Savi”.

 

 

                    Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data de publicação.

 

                  

                     Porto União (SC), 14 de setembro de 2021.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

         

                ELISEU MIBACH                                             RUAN GUILHERME WOLF

               Prefeito Municipal                            Secretário Municipal de Administração e Esporte 

                      

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ANEXO I

 

Roosevelt Savi, conhecido como Polaco Savi, foi um grande amigo e participava ativamente da administração, trazendo demandas e sugestões dos munícipes, estando quase que diariamente nos prédios públicos como o Paço Municipal e Secretaria de Cultura e Turismo.

 

 Sempre com jargões engraçados do tipo “entre mortos e feridos, nenhum” para dizer que estava tudo bem, e “firme como um palanque no banhado”, Savi era carismático e prendia a atenção das pessoas por horas com sua grande memória sobre fatos históricos das cidades irmãs.

 

 Contribuiu para diversas obras de resgate da cultura e história sendo, na administração atual, grande colaborador dos livros do Centenário de Porto União e dos Distritos de São Miguel da Serra e Santa Cruz do Timbó, além de auxiliar na composição do livro do Centenário da localidade do Maratá.

 

Leitor voraz e grande conhecedor do cenário político regional, Savi colecionava livros, documentos e registros. Identificava com facilidade e precisão personalidades e locais em fotografias antigas ao mesmo tempo se esquivava de ser fotografado. 

 

Participou recentemente da série de documentários Caminhos do Contestado, exibida pela Rede Record, onde contou sua experiência familiar com o Monge João Maria.

 

Savi foi funcionário municipal entre os anos de 1978 e 1983 como motorista, época em que acumulou muitas lembranças com o saudoso prefeito Victor Buch Filho nas inúmeras viagens à capital do Estado de Santa Catarina.

 

Pai dedicado não só aos filhos biológicos como também aos adotivos, Savi era também paternal com os que lhe cercavam, sempre trazendo conforto e soluções para os problemas de todos. Gostava de ser útil e não se furtava em contribuir da sua maneira sempre que possível.

 

Savi faleceu com 78 anos de idade, vítima de complicações pós-covid deixando esposa, filhos, netos e um legado de grandes e divertidas histórias.

 

 


Não existem arquivos anexos


Não existem normas relacionadas